Americana será a primeira estrangeira a ser homenageada no evento, que foi criado em 2003.

A Festa Literária Internacional de Paraty (FLIP) anunciou o nome da escritora Elizabeth Bishop como homenageada do evento de 2020. A americana será a primeira estrangeira homenageada desde a criação do evento, em 2003.

“Não é uma coincidência que Liz Calder, uma das forças criadoras da Flip, tenha encerrado a edição deste ano com a leitura de um poema dela. A Bishop está em nossa lista de possíveis autores homenageados há mais de dez anos”, afirmou o diretor artístico Mauro Munhoz.

“Não é por ter sido escrita em língua inglesa que a poesia de Bishop está menos encharcada do Brasil que a de Drummond ou João Cabral de Melo Neto.’

“Ela viveu mais de quinze anos no Brasil e produziu parte de sua obra aqui, claramente influenciada pela experiência estrangeira e brasileira. Basta ler suas cartas para termos clareza disso”, cita a curadora Fernanda Diamant.

A 18ª edição da FLIP acontece de 29 de julho a 2 de agosto de 2020.