Mônica Salmaso dá voz a Milton Nascimento em gravação de estúdio com André Mehmari
Foto: Divulgação

♪ Em 14 de dezembro, Mônica Salmaso entrou no estúdio de André Mehmari, na cidade de São Paulo (SP), e deu voz a dez músicas do repertório de Milton Nascimento em sessão única feita com a adesão do saxofonista e flautista Teco Cardoso.

Um mês após a gravação, o material resultante deste registro audiovisual de estúdio será mostrado ao público a partir das 21h de 15 de janeiro. A gravação inédita será apresentada no canal oficial de Salmaso no YouTube, ficando disponível até 31 de janeiro para quem adquirir o ingresso solidário – caracterizado como contribuição – através de link da plataforma de vendas Sympla.

O repertório é formado por dez músicas. Duas foram feitas com a adesão de Teco Cardoso. O instrumentista sopra sax soprano em Milagre dos peixes (Milton Nascimento e Fernando Brant, 1973) e toca flauta baixo em A terceira margem do Rio, música composta por Milton Nascimento com Caetano Veloso e lançada por Milton no álbum Txai (1990).

Nesta música, única do roteiro sem o piano de Mehmari (que toca marimba de vidro no número), Mônica Salmaso, além de cantar, toca instrumento de metal de origem norueguesa. Nas demais oito músicas, o canto lapidar de Salmaso será ouvido somente com o toque virtuoso do piano de Mehmari.

Teco Cardoso (sax e flauta), Mônica Salmaso (voz) e André Mehmari (piano) — Foto: Divulgação
Teco Cardoso (sax e flauta), Mônica Salmaso (voz) e André Mehmari (piano) — Foto: Divulgação

♪ Eis o roteiro da sessão de estúdio em que uma das maiores cantoras do Brasil dá voz ao repertório de um dos mais singulares compositores do mundo com o toque de grande pianista:

1. A lua girou (tema tradicional em adaptação de Milton Nascimento, 1976)

2. Noites do sertão (Milton Nascimento e Tavinho Moura, 1985)

3. Saudade dos aviões da Panair (Conversando no bar) (Milton Nascimento e Fernando Brant, 1974)

4. A terceira margem do Rio (Milton Nascimento e Caetano Veloso, 1990) – com leitura de trecho do conto A terceira margem do rio, do livro Pequenas estórias (1962), de Guimarães Rosa (1908 – 1967)

5. Canção amiga (Milton Nascimento e Carlos Drummond de Andrade, 1978)

6. Casamiento de negros (tema tradicional em adaptação de Violeta Parra e Polo Cabrera, 1964)

7. Paixão e fé (Tavinho Moura e Fernando Brant, 1977)

8. Milagre dos peixes (Milton Nascimento e Fernando Brant, 1973)

9. Credo (Milton Nascimento e Fernando Brant, 1978) – com citação de San Vicente (Milton Nascimento e Fernando Brant, 1972)

10. Paula e Bebeto (Milton Nascimento e Caetano Veloso, 1975)