Ator está vendendo projeto, criado a partir de um trailer falso produzido por cineasta em 2019.

Will Smith em 'Um Maluco no Pedaço' — Foto: Divulgação
Will Smith em 'Um Maluco no Pedaço' — Foto: Divulgação

A série “Um Maluco no Pedaço” vai voltar, porém, agora reimaginada como um drama. De acordo com a mídia americana especializada, Will Smith será produtor executivo do nova versão.

A ideia de fazer uma modernização sombria da comédia de sucesso dos anos 1990, que lançou a carreira de Smith, veio do superfã Morgan Cooper, que produziu e postou seu próprio trailer de quatro minutos, que viralizou na internet em 2019.

Duas versões do vídeo receberam mais de sete milhões de visualizações e conquistaram o próprio Will Smith, que encontrou Cooper em 2019 e elogiou sua “brilhante” ideia.

“Morgan fez um trailer absurdo de ‘Bel-Air’ – uma ideia brilhante, a versão dramática de ‘The Fresh Prince’ para a próxima geração”, disse Smith em seu canal do YouTube na época, se referindo ao título original, “The Fresh Prince of Bel-Air”.

Segundo a revista “Hollywood Reporter” e o site Deadline, o projeto está agora em desenvolvimento pela Westbrook Studios, de Smith, e a Universal TV, e vem sendo oferecida para várias plataformas de vídeos.

A série será um drama com episódios de uma hora e incluirá a história de como o personagem de Smith se envolveu em uma briga com membros de uma gangue da Filadélfia antes de ser enviado para morar com seus parentes ricos no afluente subúrbio de Bel-Air, em Los Angeles.

O trailer de Cooper mostra o primeiro encontro de um jovem Will com personagens populares da série original, como Jazz, em uma loja de discos de Los Angeles.

Cooper será roteirista, diretor e co-produtor executivo, trabalhando ao lado de vários integrantes da equipe criativa do programa original e do showrunner Chris Collins (“The Wire”), segundo relatos.

Os representantes de Smith e Cooper não responderam ainda ao pedido de comentários da agência de notícias France Presse.

“Um Maluco no Pedaço” foi exibido nos EUA por seis temporadas, entre 1990 e 1996, tornando-se um sucesso global. No Brasil, foi exibido pelo SBT a partir do ano 2000.

O clássico revelou os talentos cômicos e de atuação de Smith, um jovem rapper que viria a se tornar um dos maiores astros do cinema de Hollywood.